Clínica de Recuperação Revive

Resgate:

Atendimento e Remoção 24 horas

Atendimento Psicológico para o Dependente Químico

Entenda como funciona o programa de tratamento psicológico para o paciente dependente químico:

Em primeira instância é necessário ter uma visão bio-psico-social do paciente dependente químico. Sendo necessário o profissional estar adequadamente preparado para fazer a compreensão e as intervenções necessárias.  Assim, exige um aparato de cursos adequados para essa área de atuação.

Dessa forma, poderá atender melhor as necessidades do paciente. Nessa perspectiva o profissional procura fazer uma abordagem no sentido de o paciente despertar para a vontade real de querer se recuperar.

Isso, porque qualquer mudança está diretamente ligada a esse desejo, vontade e coragem de se tornar um dependente químico em recuperação. Sendo que a dependência química é considerada como uma doença segundo a Organização Mundial da Saúde.

Durante todas as etapas o paciente é preparado para focar nos seus objetivos. É um processo lindo de descobertas. Sendo estas umas das mais importantes: os mecanismos que levam a pessoa a se drogar, se tornar compulsiva.

Em algumas situações elas acabam por descobrir mais de uma compulsão. Entre essas compulsões, a de sexo, jogos, alimentares. Os mecanismos de sabotagem. Os medos, entre outros.

No processo de internação do dependente químico como sendo um período limitado a alguns meses, o objeto das terapias gera em primazia na adicção. Mas, não sendo descartadas todas as experiências de sua vida.

Cada passo é tomado por um reforçamento positivo e também incluído novos desafios. Assim o paciente vai se fortalecendo e se tornado resiliente e aos poucos vai sendo tomado pela realidade e abandonando as ilusões consequentes dos prazeres mentirosos trazidos pelo uso das drogas e/ou do álcool.

Nos primeiros contatos é feito uma avaliação geral que chamamos de Anamnese onde são feitos os primeiros contatos com o dependente químico no qual ele vai responder as perguntas relativas à sua vida Psicossocial.

Nesse momento é feito um levantamento geral de todos os mecanismos e dados relativos à dependência e a relação do paciente em família, com os amigos, o trabalho e as diversas fases de sua vida.

Em seguida, depois de um período de adaptação clínica é iniciado os atendimentos interventivos onde é feito o relato de fatos de sua vida pessoal, no qual está relacionada o seu processo de abuso de drogas ou álcool bem como, traumas, medos, perdas, sintomas.

Através do processo interventivo o psicólogo atua no sentido de conduzir o paciente a se colocar na realidade, assumindo a responsabilidade sobre os seus comportamentos, atitudes e pensamentos.

Sendo ele o principal modificador de sua estrutura de vida. O paciente tem a oportunidade de fazer mudança de seu comportamento errático. Todos os processos estão baseados nos 12 passos de Narcóticos, Alcóolicos e Jogadores Anônimos que faz parte do programa de mudanças de comportamento.

Portanto é necessário que ele tenha a coragem para ir de encontro com as suas maiores dificuldades, suas atitudes mais temerosas e insensatas, coragem para modificá-las e confiança no profissional de psicologia.

Sendo assim, o Psicólogo irá atuar de forma assertiva e amorosa para que o dependente químico possa conseguir o ambiente acolhedor e assertivo para fazer a dissolução de suas atitudes inadequadas. Bem como, elucidar as atitudes nocivas e não assertivas para a tomada de mudanças. Assim como o Psicólogo irá fazer o encaminhamento e Laudos pertinentes a cada caso em específico, quando houver necessidade.

Além dos atendimentos individuais, também é feito tratamentos em grupos, palestras e filmes todos relacionados ao foco principal das compulsões.

É importante ressaltar que o paciente é estimulado a descobrir ou renascer sua vontade espiritual. Essa que compõe o seu processo humanizado. Isso é feito de acordo com a sua escolha, respeitando sua vontade, não sendo o mesmo obrigado a fazê-lo.

Compondo o processo e de acordo com as necessidades do paciente e do entendimento de sua dinâmica, poderão ser aplicados alguns outros instrumentos de avaliação e relaxamento tais como:

Aplicação de treinamento autógeno – Instrumento redutor de ansiedade que equivale a uma hipnose. O que só irá acontecer em alguns casos específicos, no qual o paciente necessitar realmente desse instrumento.

Aplicação de teste psicológico de personalidade – instrumento científico que irá confirmar o que foi observado durante o processo de Psicodiagnóstico.

Aplicação de teste Psicológico Profissionalizante – para identificar as características e potencialidades para as diversas áreas profissionais. A fim de preparar o residente para assumir um lugar na sociedade elaborando um projeto de vida e de trabalho.

Projeto de vida e ressocialização – Momento no qual o paciente, juntamente com o Psicólogo elabora um projeto de vida.

Finalizando o profissional responsável faz orientações no momento que ele está para receber sua alta. O Psicólogo orienta o paciente de seus compromissos, principalmente pelas suas escolhas e responsabilidades.

É reforçada ao paciente a necessidade de dar continuidade a sua recuperação quando estiver de alta: Procurar frequentar uma espiritualidade de sua preferência, Sala de Alcóolicos Anônimos e Narcóticos Anônimos se dependente químico ou alcóolatra e, Jogadores Anônimos se for jogador compulsivo, bem como a manutenção do tratamento com um psicólogo em esfera ambulatorial.

O paciente faz as suas considerações finais sobre todo o processo, quando assim desejar.

Equipe Revive.

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× WhatsApp